Pulpit Rock – Preikestolen

em

Em norueguês – Preikestolen, inglês – Pulpit Rock, português – a Pedra Púlpito.

A mais famosa atração turística do país! E é realmente incrível, tanto a trilha percorrida quanto o visual no final que é de tirar o fôlego. Milhares de pessoas viajam até aqui apenas para fazer essa trilha.

Version 2

É possível fazer o percurso em qualquer época do ano, mas não é recomendável de outubro a março pois é a época mais fria e o vento e chuva tornam a trilha insegura. Tanto que os ônibus não fazem o percurso nesse período, então caso você realmente queira ir, as opções são pegar carona na estrada, táxi ou alugar um carro.

Eu já fui pelo menos uma 5 vezes em diferentes épocas. Outra dica é ir em dia de semana, é tanta gente fazendo a trilha no fim de semana que você pode ter que andar numa fila indiana bem devagarinho em alguns momentos e se deparar com uma quantidade surpreendente de gente no final.

Vale a pena levar alguma coisa para comer, a minha estratégia é sempre levar um chocolate e água, e o chocolate só pode ser aberto no final da trilha como recompensa, hehehe… Algumas pessoas mais preparadas levam todo o equipamento necessário para assar uma salsicha e fazer um típico cachorro quente. 😀 Quando eu vi isso, confesso que fiquei com inveja.

thumb_IMG_0593_1024

Se você quiser fazer o passeio caminhando a opção mais barata e pegar o ferry saindo do centro de Stavanger e indo para Tau e depois o ônibus do ferry até o início da trilha (hoje custa 300 coroas, cerca de 150 reais). Se você pagar apenas o ferry e pegar carona o preço cai para 53 coroas (aproximadamente 26 reais).

O passeio dura um dia, pelo menos 1,5 hora para o ferry e o ônibus, mais pelo menos 4 horas para fazer toda a caminhada. Mas a caminhada varia muito, eu levo pelo menos 5 horas porque eu gosto de parar no final, se você ainda quiser parar durante o percurso e fazer num ritmo tranquilo, tirar foto, comer uma fruta, sair um pouco do percurso, leva umas 6 horas ou mais.

Além de percorrer a trilha é possível ver a pedra de outros ângulos, você pode ir num passeio de barco ou de helicóptero. Mas a caminhada ainda é a melhor opção por conta da excelente vista. 🙂

thumb_IMG_0723_1024

Fotos: Sarah Ferreira

 

5 comentários Adicione o seu

  1. Marcy disse:

    Bacana o blog Sara, parabéns! !!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Amei a reportagem….queria estar aí na trilha.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Gostaria muito de te vizitar talvez no Veão
    abrçs do Tio

    Curtido por 1 pessoa

    1. Sarah disse:

      Vem sim tio! 🙂

      Curtir

  4. nyrdagur disse:

    Oi Sarah, cheguei aqui pelo blog da Alê e já amei.
    Morro de vontade de conhecer esse lugar e fazer essa trilha, muito legal tuas dicas.. e vou prestar atençao pra ir em dia de semana lá quando eu for, queria fazer entre a primavera/verão que parece ser a melhor época mesmo. Que lugar sensacional ❤

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s